Tag Archives: pinhão

Pudim de Natal com Fios de Ovos

O Pudim de Natal é uma sobremesa deliciosa e farta, que agrada a todos na época natalícia. Este é, aliás, um dos doces que está frequentemente na mesa da consoada, entre muitos outros doces tradicionais desta quadra. Esta receita em particular é ainda enriquecida com os fios de ovos, tornando-a numa  sobremesa irresistível.

Ingredientes:

Para o pudim
  • 1 colher (chá) de canela
  • 100 g de amêndoa palitada
  • 100 g de farinha de trigo
  • 100 g de margarina + q.b. p/ untar a forma
  • 100 g de miolo de nozes
  • 100 g de passas
  • 100 g de pinhões
  • 100 g de sultanas
  • 150 g de alperces
  • 200 g de açúcar mascavado
  • 50 ml de aguardente velha
  • 6 ovos
  • 75 g de pão ralado
  • raspa de 1 laranja
  • raspa de 1 limão
Para a cobertura e decoração

Confeção:

Ligue o forno a 180º C.

Misture as passas, as sultanas, os alperces cortados grosseiramente, a raspa da laranja, a raspa do limão e a aguardente. Deixe marinar durante 30 minutos.

À parte, misture o açúcar com a farinha previamente peneirada, a canela, o pão ralado e a margarina e bata bem.

Junte os ovos um a um e, batendo após cada adição, acrescente a mistura da aguardente, depois as amêndoas, os pinhões e as nozes partidas em quartos. Misture bem.

Unte uma forma de pudim com margarina, deite nela o preparado e leve ao forno, em banho-maria, durante aproximadamente 40 minutos. Espete um palito para verificar se está totalmente cozido, retire do forno e deixe arrefecer.

Desenforme o pudim, polvilhe com açúcar em pó e sirva com os fios de ovos em volta volta.

Creme de Frutos Secos

Veja como preparar um delicioso creme de frutos secos, aromatizado com baunilha, para servir à sobremesa ou agraciar os seus amigos e familiares num encontro. Como a receita é rápida e fácil de fazer, também a poderá preparar quando receber visitas inesperadas – demora cerca de 25 minutos a preparar e fará as delícias dos seus convidados.

Ingredientes:

(para 4 pessoas)
  • 1 pitada de baunilha em pó
  • 1 pitada de sal fino
  • 130 g de açúcar
  • 2 ovos
  • 30 g de corintos
  • 5 gemas
  • 50 g de miolo de amêndoa com pele
  • 50 g de miolo de pinhão
  • 50 g de sultanas
  • 750 ml de leite
  • 80 g de farinha

Confeção:

Leve o leite a levantar fervura.

Misture o açúcar com a farinha, a baunilha, o sal, os ovos e as gemas. Incorpore-os no leite, mexendo sempre.

Leve o preparado a lume moderado, mexendo regularmente até ganhar consistência.

Quando o creme estiver consistente, retire do lume e acrescente os frutos secos, reservando alguns para a decoração.

Distribua o creme pelas taças e deixe arrefecer.

Sirva a sobremesa fria, decorada com os frutos secos que tinha reservado.

Tarte de Pinhão

A tarte de pinhão é uma receita típica portuguesa, muito comum na região de Alcácer do Sal, onde abunda este fruto seco. Na sua versão mais simples, esta tarte equivale à de amêndoa, mas sendo aquela substituída pelo pinhão.

Em Alcácer do Sal,  a tarte é comummente decorada com a famosa pinhoada na cobertura.

Ingredientes:

Para a massa
  • 1 colher (chá) de fermento em pó
  • 1 ovo
  • 100 g de açúcar
  • 100 g de manteiga amolecida
  • 250 g de farinha
  • 3 colheres (sopa) de leite
  • sal q.b.
Para a cobertura
  • 100 g de miolo de pinhão
  • 120 g de manteiga
  • 150 g de açúcar
  • 3 colheres (sopa) de leite

Confecção:

Bata a manteiga com o açúcar.

Junte o ovo, uma pitada de sal e o leite. Misture bem.

Adicione a farinha peneirada com o fermento e mexa para ligar os ingredientes.

Deite a massa numa tarteira bem untada e reserve.

Para a cobertura, leve ao lume a manteiga com o açúcar, o pinhão e o leite. Deixe levantar fervura e deite sobre a massa que se encontra na tarteira.

Leve a cozer em forno quente (220º C) cerca de 30 minutos.

Foto: Restaurante “O Poço” – Alcácer do Sal

Mexidos do Natal (Ponte de Lima)

Em Portugal, o Natal está associado a receitas tradicionais que marcam a magia desta quadra festiva. Os mexidos são doces que não podem faltar na ceia da consoada minhota, sendo um dos mais populares da região. Em Ponte de Lima, os mexidos fazem-se com pinhões, passas, vinho do Porto, mel e miolo de pão fino.

Ingredientes:

(para 8 pessoas)
  • 1 cálice de vinho do Porto
  • 1 chávena (chá) de açúcar
  • 1 colher (sopa) de manteiga
  • 1 pau de canela
  • 1 pitada de sal
  • 1,5 litro  de água
  • 250 g de pão
  • 250 ml de mel
  • 50 g de pinhões
  • 50 g de nozes
  • 50 g de passas
  • casca de ½ limão
  • canela p/ polvilhar (opcional)

Confeção:

Leve a água ao lume com todos os ingredientes, à exceção dos frutos e do pão, e deixe ferver durante 15 minutos.

Junte os frutos secos e deixe ferver mais 15 minutos.

Corte o pão em fatias o mais finas possível e escalde-as com água a ferver (muito pouca quantidade).

Junte cuidadosamente esta massa de pão ao preparado anterior, a fim de evitar que ganhe grumos.

Deixe ferver um pouco mais para apurar, mexendo sempre.

Retire o pau de canela e deite numa travessa de servir. Se desejar, polvilhe com canela em pó.

Mexidos de Natal à Moda do Minho

Conheça a receita deste maravilhoso doce tradicional, que é típico da época natalícia, na região norte de Portugal. Os mexidos de Natal têm o pão como ingrediente de referência e são uma receita riquíssima pela variedade de sabores, tal como a ceia de Natal no Minho, que se caracterizada por ser uma refeição variada e farta.

Ingredientes:

  • 1 cálice de vinho do Porto
  • 1 cebola
  • 1 kg de pão duro
  • 1 pau de canela
  • 100 g de pinhões
  • 150 g de passas
  • 200 g de miolo de nozes
  • 300 g de açúcar
  • canela q.b.

Confeção:

Esmigalhe o pão com as mãos e reserve.

Ponha a cozer a cebola, o pau de canela, as passas, os pinhões e as nozes, deixando ferver 10 minutos.

Retire a cebola e o pau de canela e deite o cálice do vinho do Porto, o açúcar e canela em pó (a água deverá ficar castanha); deixe levantar fervura e junte, então, o pão.

Deixe cozer até desaparecer a água (cerca de 10 minutos).

Deite o doce num prato grande ou, se preferir, em pratos pequenos, deixando arrefecer durante três horas, antes de servir.

Sabia que…
Os Mexidos de Natal são de origem romana, sendo a sua tradição mais vincada no norte de Portugal. Além de Mexidos, este doce também é conhecido como Formigos ou Sopa Doce.