Tag Archives: compota de abobora

Compota de Abóbora

Esta compota de abóbora fresca, com canela e limão, é ótima para acompanhar sobremesas ou barrar no pão.

Ingredientes:

  • 1 kg de abóbora, descascada e limpa
  • 1 pau de canela
  • 750 g de açúcar
  • sumo de 1 limão

Confeção:

De véspera, corte a abóbora, em cubos, para um tacho.

Junte o açúcar e o sumo do limão, misture e deixe macerar de um dia para o outro.

Leve o tacho ao lume, junte a canela e deixe cozinhar cerca de 25 minutos. Retire a espuma à medida que se vai formando.

Deixe a compota arrefecer, retire tire o pau de canela canela e guarde em frascos esterilizados.

Dica:

Depois de macerar, a abóbora fica com muito líquido. Para verificar se a compota está no ponto, passado o tempo de cozedura, retire um pouco do líquido para um prato, deixe arrefecer e tombe o prato: se o líquido não escorrer, a compota está pronta.

Doce de Abóbora Chila (Alentejo e Algarve)

Veja como preparar o maravilhoso doce de chila (ou gila), uma receita tipicamente portuguesa, muito popular nas regiões do Alentejo e Algarve. Com ele, preparam-se outros doces, bolos e pastéis, sendo um ingrediente de referência em algumas receitas da doçaria conventual alentejana, como é o caso do famoso Pão de Rala.

Como a abóbora chila tem o interior branquinho com filamentos acentuados, o doce mantém a tonalidade clara, completamente diferente do tom alaranjado do doce de abóbora tradicional, e os veios característicos deste género de abóbora.

Este doce dá para saborear como compota, a barrar um pedaço de pão, mas também como recheio ou cobertura de algumas receitas. Experimente e verá que tem de repetir esta receita caseira, pois o de compra não tem o mesmo sabor…

Ingredientes:

  • 1 abóbora chila
  • igual peso de açúcar ao da abóbora cozida
  • 1 pau de canela
  • sal

Confeção:

De véspera, parta a abóbora atirando-a ao chão (não deve usar a faca, pois deixa um mau sabor no doce). Separe os pedaços partidos com as mãos, deixando-os ficar com a casca.

Limpe a abóbora, tendo o cuidado de não deixar qualquer filamento amarelo e sempre sem lhe tocar com quaisquer objetos metálicos.

Coloque a abóbora em água fria abundante e esfregue os pedaços separados, mudando várias vezes a água. Repita esta operação até a abóbora deixar de fazer espuma. Deixe-a ficar mergulhada em água limpa até ao dia seguinte.

Num tacho de esmalte, leve a abóbora a cozer em lume forte, introduzindo-a a pouco e pouco na água a ferver e temperada com sal.

Quando a casca se separar facilmente, escorra a abóbora. Passe-a depois por água fria e, com as mãos, separe os fios.

Escorra num pano e pese.

Coloque no tacho igual peso de açúcar, juntando também um pouco de água e a canela. Deixe cozer até obter uma calda espessa. Junte a abóbora e deixe ferver, mexendo constantemente até fazer estrada (ao passar a colher, fazem-se aberturas, como se fossem uma estrada).

Deite o doce em frascos e tape-os com papel celofane.

Coroa de Páscoa com Fios de Ovos

Torne o seu domingo de Páscoa mais doce e especial incluindo na sua ementa esta coroa de Páscoa, decorada com fios de ovos e amêndoas de chocolate. Este bolo de Páscoa de aspeto requintado irá compor a sua mesa e fazer as delícias dos seus familiares. Além de ser muito saboroso, é recheado com uma compota de abóbora que o torna num doce verdadeiramente irresistível!

Ingredientes:

Para o bolo
  • 1 colher (café) de canela
  • 150 g de açúcar amarelo
  • 150 ml de leite
  • 200 g de manteiga
  • 3 ovos
  • 40 g de fermento biológico
  • 625 g de farinha
  • 7 g de sal
  • raspa de ½ laranja
  • raspa de ½ limão
Para o recheio (compota de abóbora)
  • ½ laranja
  • ½ limão
  • 1 pau de canela
  • 400 g de abóbora cozida e escorrida
  • 400 g de açúcar

Para a cobertura e decoração

  • 150 g de amêndoas picadas
  • 200g de fios de ovos
  • açúcar amarelo sq.b.
  • amêndoas de chocolate q.b.
  • canela q.b.
  • 1 ovo p/ pincelar
  • geleia q.b. p/ pincelar

Confeção:

Comece por preparar a compota de abóbora que irá rechear o bolo.

Coza a abóbora e escorra-a muito bem. Junte o açúcar, mexa e leve ao lume com um pau de canela, a casca de laranja escaldada e o sumo dos citrinos.

Quando levantar fervura, deixe o doce apurar cerca de 5 minutos, verificando se está no ponto. Desligue o lume, retire o pau de canela e a casca de laranja, triture a compota e reserve.

Para a massa do bolo, dissolva bem o fermento em 100 ml de leite morno. Junte 125 g de farinha e misture até obter um preparado homogéneo. Tape a massa com um pano e deixe levedar durante 30 minutos.

Entretanto, trabalhe o açúcar amarelo com a manteiga, adicionando depois os ovos, as raspas de laranja e limão, o sal e a canela. Junte o resto do leite e a massa já lêveda. Envolva a restante farinha e amasse até obter uma massa elástica e uniforme. Tape e deixe levedar novamente durante 45 minutos.

Passado o tempo de levedura, estique a massa com um rolo, deixando uma espessura de aproximadamente 5 mm. Barre com a compota de abóbora e polvilhe com canela.

Enrole a massa como se estivesse a fazer uma torta. Forme uma coroa com esse rolo, unindo as pontas da massa.

Coloque a coroa num tabuleiro, pincele com ovo batido, amêndoas e açúcar amarelo. Faça vários cortes à volta do bolo e deixe levedar novamente até duplicar o volume.

Leve a cozer a uma temperatura média (180ᵒ C) durante 40 minutos aproximadamente.

Quando retirar a coroa do forno, pincele com geleia e decore com fios de ovos e amêndoas de chocolate.