Tag Archives: chantilly

Tarte de Abóbora

A tarte de abóbora é uma receita tradicional muito fácil de preparar e bastante saborosa, servida sobretudo durante o outono e inverno. A base da tarte é um creme de abóbora, sendo geralmente aromatizada com noz-moscada, canela e gengibre.

Esta tarte é conhecida e apreciada em todo o mundo, ganhando especial relevância nos Estados Unidos e Canadá, pois é um dos doces tradicionalmente servido à mesa no dia de Ação de Graças e no Natal.

Ingredientes:

  • ½ chávena de açúcar mascavado
  • ½ colher (chá) de noz-moscada
  • ½ colher (chá) de sal
  • 1 chávena de abóbora
  • 1 colher (chá) de canela
  • 1 colher (chá) de gengibre em pó
  • 1 colher (sopa) de manteiga
  • 2 colheres (sopa) de melaço
  • 2 ovos
  • massa areada q.b.
  • chantilly p/ decorar (opcional)

Confeção:

Corte a abóbora em pedaços pequenos e ponha-os a cozer em água a ferver.

Bata os ovos e misture todos os ingredientes, à exceção da massa. Estenda esta na tarteira e deite sobre ela o preparado anterior.

Leve a cozer em forno previamente aquecido a 250º C durante 10 minutos.

Reduza a temperatura para 160º C e deixe cozer durante mais 40 minutos. Após esse tempo, verifique a cozedura com um palito.

Se desejar, decore com chantilly.

Tarte de Batata-doce com Chantilly e Amêndoa

Esta tarte de batata-doce é uma receita fácil, diferente e deliciosa. A massa leva ingredientes como o gengibre, canela e noz-moscada, que lhe dão um sabor mais intenso e saboroso. Para terminar, leva chantilly e amêndoa laminada, cujo crocante contrasta com a leveza da massa.

Ingredientes:

Para a base
  • 1 colher (café) de gengibre em pó
  • 1 pitada de sal de mesa
  • 1 colher (chá) de canela moída
  • 1 pitada de noz-moscada
  • 100 ml de leite
  • 200 g de açúcar
  • 3 ovos
  • 4 batatas-doces
  • massa quebrada
Para a cobertura
  • 500 g de chantilly
  • amêndoa laminada e tostada

Confeção:

Coza as batatas, inteiras e com pele, até ficarem macias. Pele-as, reduza-as a puré e deite este em duas chávenas. Reserve.

Misture o açúcar com a canela, o gengibre, o sal e a noz-moscada. Junte o puré de batata, os ovos levemente batidos e o leite. Misture bem e reserve.

Coloque a massa quebrada na tarteira e abra-a. Espalhe por cima a mistura que reservou, alise e leve ao forno, pré-aquecido a 220° C, durante 12 minutos. Baixe a temperatura para 180°C e deixe cozer durante ½ hora.

Quando a tarte arrefecer, guarde-a no frigorífico durante 1 hora.

Deite o chantilly num saco de pasteleiro com um bico canelado, decore a gosto e espalhe por cima amêndoas.

Crepes de Banana

Estes crepes fazem uma sobremesa soberba, podendo igualmente ser servidos ao lanche ou pequeno-almoço. Deverá usar bananas bem madurinhas para aproveitar ao máximo o seu sabor e textura. O rum dá-lhes um toque sublime, tornando os crepes verdadeiramente apetecíveis.

Cheesecake de Lima e Natas

Existam várias receitas de cheesecake (ou semifrio de queijo), mas o que caracteriza todas elas é serem compostas por uma cobertura de queijo e uma base de biscoito ou massa folhada.

Bolinhos de Frutos

Estes bolinhos são uma excelente ideia para servir à sobremesa, num lanche ajantarado ou num encontro de amigos ou família, sobretudo nos dias de mais calor. O chantilly e a fruta dão-lhes leveza e frescura para os tornar absolutamente apetecíveis.

Ingredientes:

Para a massa
  • 1 colher (sopa) de óleo
  • 1 pitada de sal
  • 250 g de farinha de trigo
Para o recheio
  • ½ litro de leite
  • 1 colher (sopa) de farinha  de trigo
  • 2 folhas de gelatina incolor
  • 2 gemas
  • 300 g de açúcar
  • 3 ovos
  • raspa de 1 limão
Para a cobertura
  • 3 colheres (sopa) de açúcar
  • 300 ml de natas
Para a decoração
  • fruta variada q.b.

Confeção:

Comece por untar pequenas formas com manteiga e ligar o forno a uma temperatura de 180° C.

Coloque num recipiente a farinha com o óleo, o sal e, enquanto vai amassando, acrescente água, de modo a obter uma massa homogénea. Deixe repousar durante 15 minutos.

Estenda a massa sobre uma superfície polvilhada com farinha, corte círculos e forre as formas com eles. Cubra-as com papel de alumínio e disponha no fundo alguns feijões.

Leve ao forno durante 15 minutos.

Passado o tempo de cozedura, retire os feijões e o papel de alumínio e deixe arrefecer.

Entretanto, prepare o recheio, levando ao lume o leite até ferver.

Demolhe as folhas de gelatina num pouco de água fria.

À parte, misture a farinha com o açúcar, os ovos e as gemas e, no final, junte a raspa de limão e o leite, em fio.

Leve ao lume, em banho-maria, mexendo sempre até ganhar consistência.

Já fora do lume, envolva as folhas de gelatina escorridas e misture energicamente. Deixe arrefecer, mexendo ocasionalmente.

Desenforme os bolinhos, distribua o recheio e reserve.

Bata as natas firmemente e adicione-lhes o açúcar, mexendo mais um pouco.

Coloque o chantilly obtido num saco de pasteleiro | saco de confeitar e disponha uma camada sobre cada bolinho.

Decore com fatias de frutos e sirva fresco.

SUGESTÃO:

Com as claras que não usei nesta receita, prepare Túlipas Doces (receita AQUI).