Tag Archives: ceia de natal

Pudim de Natal

Este pudim, tradicionalmente servido no Natal como parte da ceia da consoada, tem as suas origens na Inglaterra medieval. Na sua confeção entra uma quantidade considerável de passas – corintos e sultanas -, levando também fruta cristalizada e especiarias.

O pudim mantém-se durante vários meses (até um ano), porque contém muito álcool.

Ingredientes:

  • ½ colher (chá) de fermento em pó
  • 1 chávena (café) de leite
  • 1 chávena de açúcar
  • 1 chávena de vinho do Porto
  • 1 colher de bicarbonato de sódio
  • 1 copo de conhaque ou whisky
  • 1 pacote de cidrão
  • 100 g de abóbora cristalizada
  • 125 g de manteiga
  • 150 g de cerejas cristalizadas
  • 2 chávenas de farinha
  • 250 g de corintos
  • 250 g de sultanas
  • 4 ovos

Confeção:

Bata muito bem a manteiga com o açúcar.

Junte os ovos, um a um, e volte a bater bem.

Acrescente os ingredientes secos, previamente peneirados, o leite e o vinho do Porto. Mexa bem.

Por último, deite as frutas e leve a cozer em forno lento, entre 1h e 30m a 2h, numa forma lisa com papel untado de manteiga.

Quando o pudim estiver cozido, retire-o e regue com o conhaque ou whisky. Decore a seu gosto.

Bolo de Natal com Chocolate e Licor

Aprenda a fazer um delicioso bolo de Natal com chocolate e licor para ter um verdadeiro presente no centro da sua mesa na ceia da consoada.

A confeção do bolo requer tempo e dedicação, mas o resultado compensa largamente o esforço… Além de muito saboroso, é um bolo com uma apresentação apelativa.

Ingredientes:

  • 1 pacotinho de açúcar baunilhado
  • 1,5 colher (sopa) de cacau em pó
  • 150 g de açúcar
  • 150 g de açúcar em pó
  • 175 g de farinha
  • 200 g de chocolate preto picado
  • 200 g de natas
  • 3 colheres (sopa) de doce de damasco
  • 3 colheres (sopa) de licor Amaretto
  • 3 ovos
  • 300 g de cobertura de chocolate
  • 300 g de massapão
  • 60 g de manteiga

Confeção:

Ferva as natas e adicione o chocolate preto, mexendo sempre.

Deite o preparado numa tigela, tape e deixe repousar cerca de 4 horas.

Para o bolo, comece por derreter a manteiga e deixe arrefecer um pouco.

Ligue o forno a 175º C.

Separe as gemas das claras e bata estas em castelo, polvilhando, aos poucos, com o açúcar baunilhado.

Incorpore delicadamente as claras em castelo nas gemas. Polvilhe sobre elas a farinha e o cacau e, por último, acrescente cuidadosamente a manteiga derretida.

Deite a massa numa forma com 24 cm de diâmetro forrada com papel manteiga, e alise.

Leve a cozer cerca de 25 a 30 minutos. Desenforme e deixe o bolo arrefecer sobre uma grade.

Bata bem o preparado de natas e chocolate até ficar em creme.

Corte o bolo na horizontal, coloque um anel de bolos em torno da base inferior e regue a base do com o licor. Barre depois com o creme de chocolate e cubra com a outra parte do bolo pressionando levemente.

Coloque o bolo no frigorífico cerca de 30 minutos.

Aqueça o doce de damasco e passe-o através de uma peneira.

Retire o anel do bolo e barre toda a superfície com o doce.

Pique grosseiramente a cobertura de chocolate e leve a derreter em banho-maria.

Peneire o açúcar em pó e amasse-o com 1/3 do massapão. Estique outro terço de massapão, de forma a que fique fino e com a dimensão do bolo. Reserve o restante.

Cubra o bolo com o massapão, pressionando levemente.

Deite 2 colheres (sopa) de cobertura de chocolate num saco de congelação pequeno, cubra o bolo com a restante cobertura de chocolate e deixe secar.

Estique o restante massapão, recorte um pai natal e uma estrela e coloque sobre o revestimento de chocolate quase seco.

Faça um pequeno buraco no saco de congelação e, com a cobertura de chocolate, faça os contornos do Pai Natal. Escreva uma mensagem alusiva à quadra.

Torta do Pai Natal

Esta torta, com uma apresentação simples e bonita, é perfeita para a ceia da consoada ou dia de Natal.

Uma receita natalícia deliciosa  e aromática, recheada com passas, maçã e canela.

Ingredientes:

Para a massa
  • 200 g de manteiga
  • 350 g de farinha de trigo
  • 8 colheres (sopa) de água gelada
Para o recheio
  • ½ chávena de passas
  • 1 colher (café) de canela em pó
  • raspa e sumo de 1 limão
  • 2 colheres (sopa) de açúcar
  • 5 maçãs fatiadas
  • açúcar em pó p/ polvilhar

Confeção:

Misture rapidamente os ingredientes da massa.

Deite a massa num tabuleiro untado e leve a cozer, em forno quente, durante 35 minutos.

Enquanto isso, prepare o recheio, misturando bem todos os ingredientes.

Retire a massa do forno, cubra-a com o recheio e enrole.

Polvilhe a torta com açúcar em pó.

Mexidos do Natal (Ponte de Lima)

Em Portugal, o Natal está associado a receitas tradicionais que marcam a magia desta quadra festiva. Os mexidos são doces que não podem faltar na ceia da consoada minhota, sendo um dos mais populares da região. Em Ponte de Lima, os mexidos fazem-se com pinhões, passas, vinho do Porto, mel e miolo de pão fino.

Ingredientes:

(para 8 pessoas)
  • 1 cálice de vinho do Porto
  • 1 chávena (chá) de açúcar
  • 1 colher (sopa) de manteiga
  • 1 pau de canela
  • 1 pitada de sal
  • 1,5 litro  de água
  • 250 g de pão
  • 250 ml de mel
  • 50 g de pinhões
  • 50 g de nozes
  • 50 g de passas
  • casca de ½ limão
  • canela p/ polvilhar (opcional)

Confeção:

Leve a água ao lume com todos os ingredientes, à exceção dos frutos e do pão, e deixe ferver durante 15 minutos.

Junte os frutos secos e deixe ferver mais 15 minutos.

Corte o pão em fatias o mais finas possível e escalde-as com água a ferver (muito pouca quantidade).

Junte cuidadosamente esta massa de pão ao preparado anterior, a fim de evitar que ganhe grumos.

Deixe ferver um pouco mais para apurar, mexendo sempre.

Retire o pau de canela e deite numa travessa de servir. Se desejar, polvilhe com canela em pó.

Mexidos de Natal à Moda do Minho

Conheça a receita deste maravilhoso doce tradicional, que é típico da época natalícia, na região norte de Portugal. Os mexidos de Natal têm o pão como ingrediente de referência e são uma receita riquíssima pela variedade de sabores, tal como a ceia de Natal no Minho, que se caracterizada por ser uma refeição variada e farta.

Ingredientes:

  • 1 cálice de vinho do Porto
  • 1 cebola
  • 1 kg de pão duro
  • 1 pau de canela
  • 100 g de pinhões
  • 150 g de passas
  • 200 g de miolo de nozes
  • 300 g de açúcar
  • canela q.b.

Confeção:

Esmigalhe o pão com as mãos e reserve.

Ponha a cozer a cebola, o pau de canela, as passas, os pinhões e as nozes, deixando ferver 10 minutos.

Retire a cebola e o pau de canela e deite o cálice do vinho do Porto, o açúcar e canela em pó (a água deverá ficar castanha); deixe levantar fervura e junte, então, o pão.

Deixe cozer até desaparecer a água (cerca de 10 minutos).

Deite o doce num prato grande ou, se preferir, em pratos pequenos, deixando arrefecer durante três horas, antes de servir.

Sabia que…
Os Mexidos de Natal são de origem romana, sendo a sua tradição mais vincada no norte de Portugal. Além de Mexidos, este doce também é conhecido como Formigos ou Sopa Doce.