Sobre o Doces Regionais

As receitas são um dos marcos culturais de uma determinada região e, se não forem divulgadas, muitas delas correm o risco de se perder… O Doces Regionais surgiu, em 2008, com base na ideia de divulgar receitas tradicionais de todo o mundo, muitas das quais preenchem as nossas memórias de infância.

Também há receitas, tradicionalmente passadas de geração em geração, que merecem ser preservadas e conhecidas. É para isso que nós existimos!
Contamos com a sua colaboração para nos ajudar a divulgar as delícias da sua região. Para tal, basta enviar uma receita para o nosso e-mail: docesregionais.mail@gmail.com

Apresentamos as receitas com a indicação do seu país e região de origem, dando a conhecer as tradições a ela associadas. Portugal é um dos países com uma doçaria regional riquíssima, em muitos casos com receitas provenientes da doçaria conventual, em que os ovos, as amêndoas e o açúcar ocupam um lugar de destaque.

O Natal é, em todo o mundo, uma ocasião em que os doces ocupam uma posição de destaque e, como tal, não poderíamos deixar de recuperar algumas das tradições de doçaria associadas a esta quadra. Na secção de doces de Natal e Ano Novo, apresentamos receitas que tornam o reencontro das famílias ainda mais saboroso, dando a conhecer as suas origens e as tradições de cada país ou região.

Venha daí conhecer as maravilhas da doçaria regional!

Doces Regionais - eu Gosto

Print Friendly, PDF & Email

7 Responses to Sobre o Doces Regionais

  1. Maria Duarte diz:

    Agradecia de ser contactada via email pois gostaria de saber a origem/fonte de uma das vossa receitas.

  2. Márcia Bertolozzi diz:

    Me desculpem, mas preciso fazer uma observação sobre a qualidade das receitas q publicam, muitas das quais gostaria de testar. E acabo usando o velho livrinho da minha mãe, e receitas das avós.
    A margarina è uma invenção do século 20, se não me engano. E muito controversa, pois segundo especialistas causa mal à saúde pois é um polímero de plástico. Se alguém tiver restrição médica ao consumo de manteiga não deve substituí-la por margarina; muitos (mesmo) médicos e nutricionistas indicam usar azeite de oliva puro congelado em seu lugar. Minha mãe nunca fez nenhum doce ou sobremesa com margarina (ou óleo de cozinha; aliás nem comprava), biscoitos, bolos ou massa de tortas. Sempre usou manteiga. Nem óleo de soja.
    Ao ler uma receita tradicional – como a de Santiagos – com margarina nos seus ingredientes, me pergunto como por exemplo um monge medieval conseguia margarina pra fazer o doce.
    E também se vocês testam a receita antes de publicar, para garantir a qualidade do seu resultado.
    Obrigada pela atenção.

Responder a Márcia Bertolozzi Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *