Search Results for: Doce de Abóbora

Rabanadas de Abóbora com Nozes

Comer rabanadas é uma deliciosa tradição de Natal. Nesta receita, propomos-lhe uma forma diferente de saborear as rabanadas tradicionais, preparando a massa com abóbora, nozes picadas e especiarias. O crocante das nozes destaca-se na suavidade da massa, criando uma deliciosa envolvência de sabores e texturas. Deliciosas!…

Ingredientes:

(para 8 rabanadas)
  • 1 colher (chá) de baunilha
  • 1 colher (chá) de canela
  • 120 ml de creme de leite
  • 3 ovos
  • 4 colheres (sopa) de abóbora cozida e desfeita
  • 4 colheres (sopa) de nozes picadas
  • 8 fatias de pão
  • canela, noz-moscada, gengibre e cravinho (1 pitada de cada)

Confeção:

Aqueça uma frigideira levemente untada com óleo em lume moderado.

Bata os ovos, juntamente com o creme de leite, a abóbora, a canela, a baunilha, as especiarias e as nozes.

Mergulhe as fatias de pão na mistura.

Frite as fatias até ficarem douradas (cerca de 3 minutos de cada lado).

Sugestão…
Depois de prontas, regue as rabanadas com mel e salpique-as com miolo de noz para ter um doce soberbo, com o verdadeiro sabor do Natal.

Pés de Abóbora (Ribatejo)

Os pés de abóbora são fritos tradicionais da antiga região do Ribatejo, mais marcadamente no distrito de Santarém, sendo ideais para saborear nas épocas festivas em que abundam os doces fritos, como no Natal.

Com uma apresentação que faz lembrar os churros, o seu nome deve-se ao facto de, visualmente, se assemelharem aos pés de abóbora, com o seu torcido característico.

Ingredientes:

  • 1 chávena de farinha
  • 1 ou 2 ovos
  • 1 colher (sopa) de manteiga
  • 1 cálice de vinho do Porto
  • 2 cascas de limão
  • água e sal q.b.
  • azeite ou óleo p/ fritar
  • açúcar e canela p/ polvilhar

Confeção:

Leve uma chávena de água ao lume com a manteiga, sal e as cascas de limão.

Depois de ferver um pouco, junte a farinha e mexa. Deixe a farinha absorver a água sem deixar cozer a massa.

Retire do lume e, mexendo sempre, junte o vinho do Porto e os ovos, um de cada vez, mexendo bem até estar tudo ligado.

Ponha a massa numa seringa de bico (ou disco canelado) e deite no azeite bem quente, em pedaços com cerca de 15 cm, os quais cortam com uma faca.

Polvilhe os pés de abóbora com açúcar e canela enquanto quentes.

Bolinhos de Abóbora do Convento de Odivelas

Estes bolinhos, de origem conventual, são típicos de Odivelas, na região da Grande Lisboa, de onde nos vêm outras receitas deliciosas e afamadas como a Marmelada Branca.

Feitos à base de abóbora, açúcar, coco e ovos, são fáceis de preparar e ótimos para saborear a qualquer hora.

Ingredientes:

(para ± 15 bolinhos)
  • 1 colher (chá) de fermento em pó
  • 200 g de açúcar
  • 4 ovos
  • 400 g de abóbora
  • 60 g de coco ralado
  • 70 g de farinha de trigo
  • açúcar em pó p/ polvilhar

Confeção do modo Tradicional:

Coloque a água numa panela e coza nela a abóbora.

Coe a água e reserve a abóbora.

Retire 130 ml da água da cozedura, junte o açúcar e leve ao lume até levantar fervura.

Adicione a abóbora e deixe apurar um pouco.

Passe o preparado com a varinha mágica e acrescente o coco.

Mantenha alguns minutos ao lume, a temperatura moderada.

Retire do calor e deixe arrefecer um pouco.

Ligue o forno a 180º C.

Adicione os ovos ao preparado e misture.

Junte a farinha e o fermento, envolvendo bem, até obter uma massa homogénea.

Coloque formas de papel nas formas dos queques e deite nelas a massa.

Leve ao forno cerca de 20/25 minutos.

Deixe arrefecer os bolinhos e polvilhe-os com açúcar em pó.

Preparação na Bimby:

Coloque no copo a água e o cesto com a abóbora e programe 20 min/ Varoma/ vel 2.

Retire e reserve a água da cozedura.

Coloque no copo 130 g da água reservada, o açúcar e programe 20 min/ Varoma/ vel 1.

Adicione a abóbora, programe 30 segundos e triture, progressivamente, até à velocidade 7.

Acrescente o coco e programe 5 min/ 100º C/ vel 2.

Retire o copo da base da Bimby e deixe arrefecer até aos 60º C.

Ligue o forno a 180º C.

Adicione os ovos e misture 1 min/ vel 2.

Junte a farinha e o fermento e programe 20 seg/ vel 3.

Coloque formas de papel nas formas dos queques e deite nelas a massa.

Leve ao forno cerca de 20/25 minutos.

Deixe arrefecer os bolinhos de abóbora e polvilhe-os com açúcar em pó.

Nota:

Se usar abóbora congelada, deixe-a descongelar, escorra bem e só então proceda à pesagem.

 

Creme Brulée de Abóbora

Este creme brulée de abóbora, com natas, noz-moscada e canela, é uma receita apetecível e surpreendentemente simples de fazer. Envolvente desde o estalar da cobertura caramelizada até à última colherada, esta sobremesa faz um final esplêndido de qualquer refeição.

Ingredientes:

  • 1 colher (chá) de canela
  • 1 pitada de noz-moscada moída
  • 1 pitada de sal fino
  • 250 g de açúcar
  • 500 g de abóbora cozida e bem escorrida
  • 600 g de natas p/ bater
  • 7 gemas

Confeção:

Ligue o forno a 180º C.

Bata muito bem as gemas com metade do açúcar até obter um creme espumoso.

Junte as natas, a canela, a noz-moscada, a abóbora (reduzida a puré) e o sal.

Deite o creme em taças e leve ao forno cerca de 30 minutos. Retire do forno e deixe arrefecer.

Coloque as taças no frigorífico durante 2 a 3 horas.

No momento de servir, polvilhe o açúcar restante sobre o creme e deixe caramelizar debaixo do gratinador do forno durante alguns minutos.

SUGESTÃO:

Aproveite as claras que restaram da preparação do creme brulée para fazer os delicados e deliciosos Biscoitos Cobertos com Chocolate e Chantilly (receita AQUI).

Pudim de Abóbora com Coco e Baunilha

Com a abóbora, fazem-se excelentes receitas, sejam elas doces ou salgadas. Este pudim, com coco ralado, amido de milho e essência de baunilha é um belo exemplo disso, fazendo da sobremesa um momento memorável.

Ingredientes:

Para o pudim
  • 1 colher (sopa) de amido de milho
  • 1 pau de canela
  • 2 colheres (sopa) de manteiga
  • 4 gotas de essência de baunilha
  • 400 g de açúcar
  • 5 ovos
  • 50 g de coco ralado
  • 600 g de abóbora limpa
Para o caramelo
  • ¼ de limão espremido
  • 100 ml de água
  • 200 g de açúcar

Confeção:

Coza a abóbora com o pau de canela num pouco de água.

Prepare o caramelo, levando ao lume todos os ingredientes, e barre com ele uma forma de chaminé.

Depois da abóbora cozida, retire o pau de canela, escorra muito bem e passe-a.

Junte ao polme da abóbora o açúcar, misturado com o amido de milho e o coco ralado, envolvendo bem.

Acrescente os ovos, a manteiga derretida e a essência de baunilha. Mexa muito bem.

Deite o preparado na forma caramelizada e leve ao forno, a cozer em banho-maria, cerca de 50 minutos (convém verificar).

Depois de cozido, retire o pudim do forno, deixe arrefecer e desenforme