Filhós de Natal

Estas filhós, típicas de Natal e muito populares em certas regiões de Portugal, são aromatizadas com aguardente bagaceira e regadas com uma calda de mel. No final, são polvilhadas com os tradicionais açúcar e canela.

Ingredientes:

Para as filhós
  • 1 colher (chá) de sal
  • 100 ml de aguardente bagaceira
  • 100 ml de azeite
  • 100 ml de leite
  • 20 g de fermento de padeiro
  • 750 g de farinha
  • 8 ovos
Para a calda
  • 300 g de mel
  • 100 ml de água
Para a cobertura
  • açúcar e canela q.b.

Confeção:

Dissolva o fermento no leite morno, juntando-lhe o sal e um pouco de farinha. Misture até obter uma massa leve e deixe repousar durante 15 minutos.

Deite a massa num alguidar, adicione um pouco de azeite e 3 ovos batidos. Bata tudo muito bem.

Acrescente o restante azeite, a aguardente e os ovos excedentes, batendo de novo a massa (note que esta deve ficar mais macia do que para o pão). Se necessário, adicione um pouco de leite.

Abafe a massa e deixe-a levedar durante 4 horas em local ameno.

Passado o tempo de fermentação, ponha o azeite ao lume e, com as mãos oleadas, tire bocados de massa (aproximadamente do tamanho de um ovo), estique-a numa rodela muito fina, fazendo-lhe buracos com as pontas dos dedos.

Mergulhe as filhós no azeite e vá-as esticando, a fim de manterem a forma original, pois a tendência será de crescer para cima. Deixe-as dourar dos dois lados e ponha-as a escorrer sobre papel absorvente.

Frita toda a massa, leve o mel a levantar fervura juntamente com a água. Reduza o calor e passe as filhós pela calda, polvilhando-as depois com açúcar e canela.

Print Friendly, PDF & Email

One Response to Filhós de Natal

  1. Hortense Jarmela diz:

    azevias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *