Category Archives: Dia de Reis

Galette des Rois (França)

O dia de Reis começou a ser celebrado na corte dos Reis de França e este bolo terá surgido para as festas do ano novo e do dia de Reis. Em 1711, a sua produção foi proibida por haver grande escassez de farinha e, com a Revolução Francesa de 1789, houve a tentativa de se mudar o nome deste doce tradicional francês, mas sem efeito.

A galette des rois mantém-se o bolo tradicional do Dia de Reis em França. No entanto, no sul do país, vigora a tradição de servir bolos de frutos secos e cristalizados, em forma de coroa, muito idênticos ao bolo-rei.

Existem galettes simplesmente folhadas e outras com recheios variados.

Ingredientes:

  • 200 g de açúcar
  • 200 g de amêndoas em pó
  • 200 g de manteiga sem sal
  • 4 ovos
  • 75 g de farinha de trigo
  • massa folhada

Confeção:

Bata a manteiga com o açúcar e as amêndoas, até a mistura ficar esbranquiçada e crescer.

Sem parar de bater, junte os ovos, um e um, depois a farinha e bata um pouco mais (aproximadamente 1 minuto). Reserve no frigorífico.

Ponha um disco de massa folhada numa forma, espalhe por cima todo o creme de amêndoas e cubra com um segundo disco de massa folhada.

Pincele a massa com ovo batido, esboce alguns desenhos e coza em forno pré-aquecido a 200º C, durante cerca de meia hora.

Bolo de Reis com Fondant

O dia de Reis, celebrado a 6 de janeiro, marca o fim das celebrações natalícias para os católicos romanos (para os ortodoxos a tradição é diferente) e há inúmeras receitas associadas a esta data, todas elas com a presença de frutas cristalizadas, a lembrar a coroa dos Reis que acorreram a Belém para prestar homenagem ao Deus feito menino. Este bolo é uma delas, sendo a massa enriquecida com frutas cristalizadas, frutos secos e vinho do Porto e, no final, é coberta com a delicadeza e brancura do fondant.

Veja como preparar esta receita, com a qual poderá compor a sua mesa de Natal e celebrar o dia de Reis de forma deliciosamente apetecível.

Ingredientes:

Para o bolo
  • ½ chávena (chá) de nozes picadas
  • ½ colher (sopa) de fermento em pó
  • ¾ chávena (chá) de frutas cristalizadas
  • ¾ chávena (chá) de passas
  • 1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
  • 1 ovo
  • 1 pitada de sal
  • 2 chávenas (chá) de açúcar
  • 2 colheres (sopa) de manteiga
  • 2 colheres (sopa) de vinho do Porto
  • 2,5 chávenas (chá) de farinha
  • 300 ml de água quente
  • nozes e frutas cristalizadas p/ decorar
Para a cobertura
  • 1 pitada de vanilina
  • 170 g de açúcar
  • 2 colheres (sopa) de água quente

Confeção:

Misture a água quente, as passas, as frutas, a manteiga, o vinho do Porto e reserve.

À parte, peneire os ingredientes secos e acrescente-os à mistura de frutas. Acrescente depois o ovo batido e as nozes.

Deite numa forma de chaminé e leve a cozer.

Entretanto, prepare o fondant para a cobertura. Leve os ingredientes ao lume até obter uma calda em ponto assoprado (soprando através dos furos da escumadeira, formam-se pequeninas bolas idênticas às bolas de sabão).

Retire imediatamente e deite a calda sobre uma superfície fria e lisa. Trabalhe-a com uma espátula de madeira em movimentos de vaivém até o açúcar se tornar branco e sólido.

Cubra o bolo ainda quente com o fondant e decore com nozes e frutas cristalizadas a gosto.

Galette des Rois à la Frangipane (França)

A Galette des Rois é o equivalente, em França, ao nosso tradicional bolo-rei, sendo esta uma variante da receita tradicional. Este bolo tradicional é feito de massa folhada, recheada com um delicioso creme de amêndoas (frangipane).

Geralmente cortam-se as fatias no número igual ao dos convidados mais um, chamado part du bon Dieu ou de la Sainte Vierge, sendo esta oferecida a um pobre, ou mais recentemente, a um vizinho ou amigo não presente. Manda a tradição que seja o membro da família mais jovem, a decidir, debaixo da mesa, quem come cada fatia.

Ingredientes:

  • 1 colher (sopa) de farinha
  • 1 colher (sopa) de leite
  • 1 colher (sopa) de rum
  • 1 fava (opcional)
  • 100 g de açúcar em pó
  • 100 g de amêndoas em pó
  • 2 rolos de massa folhada
  • 3 ovos
  • 80 g de manteiga amolecida

Confeção:

Bata os ovos com as amêndoas.

Junte a manteiga e o açúcar, envolvendo bem todos os ingredientes, e incorpore delicadamente a farinha e o rum.

Forre uma forma com um rolo de massa folhada, junte a base de amêndoa (frangipane) e introduza a fava. Cubra a forma com a restante massa folhada e una bem os bordos (poderá utilizar um pouco de água para os humedecer).

Pincele a superfície com leite para que o folhado não fique muito seco e coloque a forma no forno, pré-aquecido a 180º C. Deixe cozer durante aproximadamente 30 minutos (a partir dos 25 minutos, deverá verificar a cozedura).

 

Nota:

Esta receita foi recomendada por uma colega que viveu muitos anos em França e, para ela, é uma verdadeira tentação… Obrigada pelo contributo, Simone! icon smile Galette des Rois à la Frangipane (França)

Bolo-rei

Este bolo tradicional de Natal começa a fabricar-se nos fins de novembro e vê-se em todas as pastelarias até meados de janeiro. Embora haja divergência no que respeita à sua origem, pensa-se que o bolo-rei resulte de uma versão adaptada da «Gallette des Rois» francesa. O bolo-rei, um dos símbolos mais marcantes da festa de Natal em Portugal, tendo começado a ser vendido no país em 1869.

Ingredientes:

Confeção:

Dissolva o fermento num pouco de leite e acrescente a farinha. Junte todos os ingredientes, exceto as frutas cristalizadas e os frutos secos, e amasse bem. Quando a massa começar a fazer bolhas, junte então as frutas cristalizadas e os frutos secos.

Estenda a massa em forma de rosca, colocando-a num recipiente com buraco no meio, previamente bem untado. Deixe repousar durante algumas horas.

Na altura de ir ao forno, pincele a superfície com gema de ovo e acrescente mais algumas frutas cristalizadas, distribuindo-as por cima do bolo. Coza em forno médio até ficar dourado.

Se desejar, polvilhe com açúcar em pó quando retirar do forno.

Bolo de Reis

Um bolo muito apelativo e saboroso para servir no Natal e/ou dia de Reis. A massa, além de ser aromatizada com vinho do Porto,  é generosamente guarnecida com frutos secos e cristalizados. No final, o bolo é regado com glacê, que lhe dá um ar requintado e ainda mais apelativo.

Ingredientes:

Para o bolo
  • ½ chávena (chá) de azeite
  • ½ chávena (chá) de passas s/ semente
  • 1 chávena (chá) de açúcar
  • 1 chávena (chá) de frutas cristalizadas
  • 100 g de cerejas cristalizadas
  • 2 colheres (sopa) de casca de laranja ralada
  • 2 tabletes de fermento biológico
  • 3 colheres (sopa) de vinho do Porto
  • 4 colheres (sopa) de açúcar em pó
  • 4 colheres (sopa) de amêndoas picadas
  • 4 colheres (sopa) de leite
  • 4 colheres (sopa) de nozes picadas
  • 4,5 chávenas (chá) de farinha
  • 5 ovos
Para o glacê
  • 2 colheres (sopa) de suco de limão
  • 2 colheres (sopa) de leite quente
  • 2 chávenas (chá) de açúcar em pó

Confeção:

Prepare a massa do bolo, misturando o fermento e 3 colheres (sopa) de açúcar até obter uma pasta.

Adicione o leite aquecido e 4 colheres (sopa) de farinha, misturando bem. Cubra o recipiente com película aderente e deixe levedar durante 15 minutos.

À parte, bata 4 ovos, o vinho do Porto e as raspas de laranja. Reserve.

Coloque a farinha restante numa superfície lisa e faça uma cavidade no centro.

Junte o azeite (reserve ½ colher de sopa) e o açúcar restante. Misture bem com as pontas dos dedos, acrescente a massa crescida e volte a misturar.

Junte, aos poucos, os ovos batidos e bata a massa durante 5 minutos.

Acrescente as passas, as amêndoas, as nozes e metade das frutas cristalizadas.

Misture delicadamente e transfira a massa para uma tigela que cobrirá com película aderente, deixando levedar durante 1 hora.

Modele a massa depois de lêveda, formando um anel, de modo a que no centro tenha 15 cm de diâmetro. Transfira a massa para uma forma com 30 cm de diâmetro, untada com o azeite reservado. Deixe crescer mais 30 minutos.

Ligue o forno a temperatura média (180º C).

Distribua sobre a massa as restantes frutas cristalizadas e as cerejas. Pressione ligeiramente com os dedos e pincele toda a superfície com o ovo restante batido.

Leve o bolo ao forno durante 40 minutos, ou até que enfiando um palito ele saia limpo.

Retire do forno, desenforme o bolo ainda morno e ponha num prato grande. Em seguida, distribua por cima o açúcar em pó em montinhos.

Para o glacê, misture o açúcar com o leite quente e o suco de limão. Verta sobre o bolo e decore a seu gosto.