Biscoitos da Maia

Os Biscoitos da Maia, quase indubitavelmente de origem conventual, têm um grande valor simbólico pela representação histórico-lendária que carregam. Estando intimamente ligados à figura de Gonçalo Mendes da Maia, um guerreiro de feitos lendários que foi o grande suporte do rei D. Afonso Henriques no período da Reconquista e formação da nacionalidade portuguesa.

Pelo que representam, estes biscoitos, embora possam ter diferentes formas, são geralmente feitos com o formato de espada ou escudo.

Ingredientes:

Para a massa
  • 1 clara
  • 100 g de açúcar
  • 100 g de margarina
  • 200 g de farinha de trigo com fermento
Para a cobertura
  • açúcar em pó q.b.

Confeção:

Bata a clara com o açúcar até ligar.

Junte a margarina derretida e a farinha, amassando até que o preparado se solte das mãos.

Tenda os biscoitos, dando-lhe as tradicionais formas de espada e escudo (ou outra do seu agrado) e disponha-os em tabuleiros untados e polvilhados com farinha.

Leve os biscoitos a cozer em forno moderado.

Depois de cozidos, passe os biscoitos por uma calda de açúcar em ponto de pasta (ao mergulhar uma colher na calda, esta adere e forma uma crosta).

Fonte: Turismo da Maia – visitmaia.pt

Sugestão:

Use a gema para fazer uma afamada receita da doçaria regional da Guarda, os Bolos de Escalhão.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *