Brisas do Lis (Leiria)

As brisas do Lis, também conhecidas, embora com menos expressão, como Brisas de Santa Ana, são bolos tradicionais de Leiria, feitos à base de amêndoa, açúcar e ovos.

A origem destes deliciosos doces regionais é bastante antiga, começando por integrar a doçaria conventual, uma vez que foram as freiras do antigo convento de Santana, já demolido, que as criaram. A receita foi passada a uma senhora muito devota e assídua nas cerimónias realizadas no convento, que era proprietária do café Colonial. Este café ainda hoje existe, sendo o mais antigo e conhecido da cidade de Leiria. O segredo da confeção das brisas do Lis foi-se espalhando até aos dias de hoje por muitas pastelarias da cidade e, atualmente, são doces muito procurados tanto pelos leirienses como pelos turistas que visitam a cidade.

Com base neste ex libris da doçaria portuguesa, foram criados, no Brasil, os afamados Quindins – feitos à base de coco e não de amêndoa, pois lá este é um ingrediente menos comum.

Ingredientes:

  • 100 ml de água
  • 100 g de miolo de amêndoa
  • 250 g de açúcar em pó
  • 3 claras
  • 6 gemas

Confeção:

Escalde as amêndoas, pele-as e reduza-as a farinha.

Leve o açúcar ao lume, misturado com a água, deixando ferver brandamente (3 minutos exatos).

Retire a calda do lume, adicione a amêndoa picada e deixe arrefecer.

Junte as gemas e as claras, previamente mexidas, e envolva tudo até os ingredientes estarem bem ligados.

Unte formas pequenas com margarina e encha-as com o preparado anterior, mas não completamente (deverá deixar cerca de 1 cm entre o preparado e o bordo da forma para que quando se inicie a cozedura, a massa não transborde).

Deite água quente num tabuleiro e coloque nele as formas.

Leve a cozer em forno bastante quente até o preparado estar bem solidificado (20 a 25 minutos aprox.), o que se verifica fazendo pressão com os dedos.

Retire do forno, deixe arrefecer, descole dos lados e desenforme.

Coloque as brisas dentro de forminhas de papel frisado e sirva.

Sugestão:

Os Tosquiados são uma forma deliciosa de aproveitar as claras que sobraram da confeção das Brisas do Lis.

Print Friendly, PDF & Email

3 Responses to Brisas do Lis (Leiria)

  1. MVinha diz:

    A receita nao esta’ muito clara quanto ‘a utilizacao das gemas e claras. Poderia esclarecer, por favor?

  2. Heloisa diz:

    Gostaria de saber se as claras são batidas na batedeira junto com as gemas e depois colocadas na calda já fria .
    Não ficou esclarecido

    Obrigada
    Heloisa

  3. Vou fazer essa receita, que me parece muito interessante. Gostaria de saber o rendimento. Quantas forminhas e o tamanho aproximado delas?
    Posso somente um usando uma forma grande, como um pudim?
    Obrigada,
    Erika

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *